Posto de Abastecimento de GNV

Aquando da pesquisa para o artigo dedicado aos veículos a gás natural a curiosidade sobre este combustível aumentou e, após contacto com a empresa dourogás GNV, surgiu a oportunidade de visitar o posto de abastecimento GNV no Carregado, Alenquer.

Posto de abastecimento GNL e GNC da dourogás GNV.

O posto de abastecimento GNV do Carregado, inaugurado em 2014, foi o primeiro em Portugal a integrar a rede europeia blue corridors. A infraestrutura de uso público (mas de acesso condicionado), em regime de self-service, tem a capacidade de abastecer veículos com gás natural liquefeito (GNL) e/ou gás natural comprimido (GNC).

Postos de GNL, à esquerda, e GNC, à direita.

Durante o período passado na instalação foi possível verificar a grande afluência de diversos tipos de veículos movidos a gás natural, houve de tudo, desde pesados de transporte de matérias perigosas a ligeiros de mercadorias, passando pelas viaturas de recolha de resíduos sólidos urbanos (RSU).

Procedimento de Abastecimento

Dos abastecimentos observados o que suscitou maior interesse foi, sem dúvida, o de GNL. Uma das razões foi o equipamento em si: o posto de abastecimento apresenta um conjunto de ferramentas que vão desde o manómetro de pressão, um “cabo terra”, duas agulhetas, uma mangueira de ar comprimido e outra de água.

Ponto de abastecimento GNL.

Esta panóplia de utensílios induz o observador em erro, fazendo-o pensar que o abastecimento é algo complicado, quando na verdade é bastante simples, sendo apenas necessário seguir os seguintes passos:

  • Ligar viatura “à terra”,
  • Remover tampas das tomadas de enchimento,
  • Soprar as tomadas de enchimento e as agulhetas,
  • Conectar a agulheta de ventilação (“venteo“),
  • Conectar a agulheta de enchimento, empurrando as pegas em direcção ao veículo,
  • Iniciar o abastecimento.

O início do abastecimento depende da nivelação de pressões entre o depósito e o posto. Pode ser necessário ventilar o depósito para baixar a sua pressão.

Após o abastecimento:

  • Usar a mangueira para remover gelo formado junto às tomadas de enchimento,
  • Remover agulhetas, sem as forçar, verificando a pressão do depósito da viatura,
  • Soprar as agulhetas e tomadas de enchimento,
  • Colocar as tampas das tomadas de enchimento,
  • Remover a ligação “à terra”.

Existe um botão de “alarme” que bloqueia os sistemas de abastecimento do posto e que pode ser actuado a qualquer momento.

BOAS PRÁTICAS NO ABASTECIMENTO GNV

A empresa dourogás GNV dá formação aos utilizadores dos seus postos na primeira visita/utilização. De realçar algumas boas práticas que devem ser observadas aquando do uso das instalações GNV:

Proteja-se! Use sempre o seu equipamento de proteção individual.

Previna-se! Garanta sempre a ligação do “cabo terra” ao veículo.

Evite problemas no abastecimento: utilize a pistola de ar comprimido para soprar tanto as agulhetas como os seus receptores.

Não danifique o equipamento: use a água para ajudar a remover o gelo formado e facilitar a remoção das agulhetas após o abastecimento.

Deixe o posto pronto para o próximo utilizador: após o abastecimento GNL use a mangueira de água para descongelar as superfícies com gelo.

Assegure-se! Garanta que as agulhetas se encontram bem conectadas à bomba após o uso.

ℹ️ Informe! Se verificar algum problema na utilização do posto, algo lhe pareça “fora do normal”, ou se efectuou algum procedimento errado, use os contactos disponibilizados na infraestrutura para informar a empresa.

CURIOSIDADES do local para intervenção

Ao nível de uma hipotética resposta envolvendo agentes de proteção civil, foi interessante “estudar” o espaço e retirar as seguintes ilações:

Posto de abastecimento visto no google maps.

🔸 Existe uma manga de vento em zona limpa e bem visível a larga distância,

🔸 A área interior é ampla e limpa,

🔸 Existem, pelo menos, 200 kg de agente extintor no local,

🔸 Não existe nenhum hidrante (pelo menos em zona visível) na via de acesso ao posto, nem em nenhum ponto da estrada da mendanha,

🔸 Existe apenas um ponto de entrada, e um outro de saída nas instalações,

🔸 O espaço de manobra, dentro e fora do espaço, é reduzido,

🔸 Ao nível das exposições, de salientar a presença da Europastry Portugal mesmo ao lado e o complexo do Banco de Portugal do outro lado do IC2.

Posto de abastecimento de GNV no Carregado, Alenquer.

Para concluir resta agradecer a receptividade e simpatia dos elementos da dourogás GNV que desde o primeiro momento apoiaram a visita ao posto, disponibilizando ainda a presença de um comercial que transmitiu tudo o que havia a conhecer na infraestrutura. A abertura com que abordaram cada assunto e o envio de variada documentação de apoio, seja de manuais de marcas ou de guias de utilização, é de realçar.

Obrigado!

intervir.pt | tome parte.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s