Manual de Intervenção em Emergências Radiológicas

O Caderno Técnico n.º8 da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) tem o título de “Manual de Intervenção em Emergências Radiológicas”. De acordo com a ANEPC esta publicação, que visa proporcionar uma orientação prática a todos os envolvidos na resposta a emergências radiológicas durante as primeiras horas, foi adaptada do manual da Agência Internacional de Energia Atómica “Manual for First Responders to a Radiological Emergency“.

other
Capa do caderno técnico n.º8 da ANEPC.

Constituição

Este caderno técnico está dividido em 3 capítulos e 3 secções.
Capítulo 1. Introdução

Define o tipo de incidentes a que se refere o Manual, o seu objectivo e estrutura.

Capítulo 2. Conceitos básicos 

Caracteriza o risco e abrange os conceitos e as disposições básicas que devem ser compreendidas para uma utilização eficaz da publicação, incluindo a protecção dos operacionais e da população, as lições apuradas de emergências passadas e a organização da intervenção.

ct8_anepc_to.png
Estabelecimento de zonas e instalações de resposta.
Capítulo 3. Utilização do manual

Descreve como devem ser aplicadas as orientações.

ct8_anepc_util.png
Esquematização do uso recomendado das orientações.
Secção A. Guias de acção para o comandante das operações de socorro

Contém guias de acção para o Comandante das Operações de Socorro (COS) do incidente e os guias de acção geral da resposta inicial.

Secção B. Guia de acção para as equipas de primeira intervenção

Contém guias de acção de resposta rápida sob a direcção do COS.

Secção C. Instruções

Contém instruções sobre a forma de realizar diversas tarefas requeridas nos Guias de Acção.

As secções A/B/C, que contêm as directrizes para uso das equipas de primeira intervenção, foram elaboradas de forma a facilmente poderem ser transformadas em directrizes, complementarmente os guias existentes nas secções A e B servem de base para formação.

Formação

A ANEPC já ministrou quatro edições do “Curso de Emergências Radiológicas”, tendo a última decorrido em Castelo Branco entre os dias 16 e 18 de Janeiro de 2018. Esta formação teórico-prática visa dotar os participantes – elementos operacionais das várias entidades com responsabilidades nesta matéria – de conhecimentos e rotinas essenciais e necessárias para actuar em situações de emergência radiológica ou nas quais exista esse risco associado.

_MG_2254.JPG
Programa do 1º dia do 4ºCurso de Emergências Radiológicas.

Conclusão

O “Manual de Intervenção em Emergências Radiológicas” é uma excelente ferramenta tanto para a formação dos operacionais, como para ser usado como apoio no teatro de operações. Os seus guias são bastante abrangentes e conseguem, de forma intuitiva, transmitir os conceitos base para uma actuação segura num cenário de emergências radiológicas.

O link para descarregar este documento pode ser encontrado na área destinada às publicações aqui da plataforma.

intervir.pt | tome parte.

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s